CONPRESP faz balanço da Gestão 2013-2016

Recebeu o selo cultural do Conpresp

     Casa da Boia recebeu o selo          cultural do Conpresp                 

Como representante  da Câmara Municipal de São Paulo no CONPRESP (Conselho Municipal de Preservação do Patrimônio Histórico)  o vereador Adilson Amadeu participou hoje da última reunião da Gestão 2014-2016, quando foi feito um balanço das atividades  desenvolvidas pelos conselheiros.

Nesse período foram apresentado 810 pareceres que culminaram com  o tombamento de 63 imóveis, outros 29 foram alvos de abertura de processo.  Além disso houve a regulamentação de 23 áreas envoltórias. No ano passasdo foi criado também o “selo de valor cultural”  que reconhece a importância histórica  de alguns imóveis  sem a salvaguarda da perefeitura.  Sete imóveis foram o selo. São eles: o restaurante Carlino – fundado em 1881 e considerado o mais antigo da cidade –, as padarias Santa Tereza – desde 1872 na Praça João Mendes –, Italianinha e 14 de Julho – respectivamente de 1896 e 1897. A Casa da Boia, mais antiga loja de ferragens da Rua Florêncio de Abreu, inaugurada em 1898 e  dois prédios assinados por João Artacho Jurado (1907-1983) em Higienópolis: os edifícios Parque das Acácias – chamado de Apracs – e o Parque das Hortênsias. Ambos são da década de 1950.

Entre os processos analisados pelos conselheiros, o vereador Adilson Amadeu  destaca os da Vila Maria Zélia, do Complexo da Antártica,  Escola Masculina do Brás.  Mais recentemente foi entregue o Monumento à Independência    

assessoria

Deixe uma resposta